O início de carreira costuma ser um grande desafio em praticamente todas as áreas.

Os profissionais recém-formados provavelmente ainda não têm uma ampla experiência e é comum que se sintam inseguros, mesmo que tenham todo o preparo técnico para atuar com excelência em seus postos.

Na medicina não é diferente, especialmente em um momento delicado como o que vivemos, já que o profissional irá manejar diretamente a saúde das pessoas e cuidar do bem-estar da sociedade. É uma responsabilidade e tanto!

Fato é que após a formatura, a realidade da profissão se apresenta no dia a dia, nos atendimentos, nas anamneses, nos diagnósticos e prescrições, e aí a jornada de aprendizado empírico se inicia!

Mas sabemos que o início de carreira dos médicos recém-formados é sempre um desafio e, pensando nisso, preparamos algumas dicas para te deixar mais confortável e seguro na atuação. Confira:

Não se isole profissionalmente

Certamente você não é a única pessoa a enfrentar os desafios da medicina, especialmente quando se trata de pessoas recém-formadas.

Uma dica importante é não se isolar, mas pedir opinião, debater casos, conversar com profissionais mais experientes ou até mesmo professores, caso você tenha contato com eles.

Essa rede de troca apenas aperfeiçoa o manejo da profissão e enriquece o conhecimento, tornando-se uma via de mão dupla.

O networking é algo importante em praticamente todas as carreiras e, além de proporcionar conhecimento e contato com outros profissionais mais experientes, pode abrir portar para novas oportunidades futuras.

Vale lembrar que mesmo que você esteja ansioso para provar suas habilidades, mostrar humildade no local de trabalho pode ser mais importante inicialmente.

Seus colegas com mais experiência se sentirão valorizados e respeitados quando questionados sobre a opinião deles e, se você for um médico novo, eles perceberão isso como maturidade.

Seja extremamente organizado

Certifique-se de fazer um sistema ou esquema para todas as coisas que você tem que fazer durante o dia, priorizando as que são mais importantes.

Se você achar que está sobrecarregado, peça ajuda. A transição entre estudante e profissional não é fácil, mas pode ser superada com muita organização.

Além disso, manter informações de seus pacientes arquivadas em um sistema faz toda a diferença ao analisar histórico, fazer diagnósticos, acompanhamento etc.

Distribua seus horários de forma dinâmica e bem estruturada para que não viva sempre esgotado entre os plantões e atendimento. Mas não se esqueça de organizar também o tempo para estudar e se atualizar, não apenas sobre medicina ou saúde, mas para se aprofundar em seus outros interesses, também.

Por fim, vale ressaltar que a organização no dia a dia e manter padrões e rotinas de trabalho e pesquisa, bem como na vida pessoal, o ajudará a ser mais produtivo.

Comunique-se de forma clara e empática com seus pacientes

Com exceção das consultas de rotina, quando um paciente procura atendimento médico, está com algum problema de saúde e possivelmente passando por um momento delicado.

Ser empático e acolher a dor do outro é importante na carreira. Evite usar palavras e termos muito técnicos, seja o mais claro possível e responda às dúvidas com paciência e objetividade, fazendo-se entender por seus pacientes, independentemente do nível de instrução.

A comunicação eficiente e empática ajuda a atenuar o momento, mas, acima de tudo, é importante para que o paciente receba instruções claras sobre o que deve fazer e como proceder diante de sua condição, além de saber exatamente pelo que está passando ou como seu organismo está reagindo com determinado tratamento, por exemplo.

Mantenha hábitos saudáveis

Essa orientação pode parecer genérica e até mesmo clichê, mas especialmente na área médica é mais do que importante.

Isso porque especialmente a prática de exercícios físicos, a qualidade do sono e a qualidade da alimentação influenciam diretamente na produção hormonal e, consequentemente, nos níveis de estresse, de felicidade, enfim, no humor de modo geral – além de ser capaz de te deixar mais confortável.

Quando um profissional está mais estressado, tende a ser menos empático com os pacientes, enquanto o inverso também é verdadeiro: profissionais que nutrem hábitos saudáveis tendem a ser mais pacientes e até mesmo educados.

Por fim, esses hábitos também melhoram a qualidade de vida e a disposição – algo fundamental no dia a dia médico-hospitalar, já que para enfrentar rotinas que podem ser árduas, é importante ter fôlego!

Faça pausas

Tanto dentro como fora do trabalho, os intervalos são importantes.

Existem poucas ocasiões em que uma tarefa não pode esperar por um café de dez minutos ou uma pausa para o almoço.

Se necessário, peça a um colega para cobrir – e certifique-se de que as enfermeiras saibam como entrar em contato com você para questões urgentes.

Quando não estiver no trabalho, desligue-se (se possível) e foque em ter um sono de qualidade.

Ao começar na profissão, você descobrirá que o trabalho consome cada minuto enquanto está acordado (e muitas vezes enquanto está dormindo também), mas também é importante se desligar e manter sua vida social!

Atualize-se sempre

As ciências da saúde e suas áreas periféricas (como a biomedicina, a enfermagem, bem como as especialidades) estão em constante evolução, graças às pesquisas.

Isso faz com que cada vez mais haja novas soluções, recursos, métodos mais assertivos para diagnósticos e tratamentos à disposição, bem como informações e pesquisas altamente relevantes na área médica.

Se satisfazer com o conhecimento obtido na faculdade não deve ser uma opção. Esteja sempre a par do que é publicado – mas não esqueça de recorrer apenas a fontes seguras, revistas científicas e demais publicações de cunho científico.

Além disso, a medicina dispõe de outros recursos altamente valiosos para aquisição de conhecimento, como congressos, simpósios, cursos, seminários, documentários, dentre tantos outros.

O DocFlix é uma plataforma de streaming de cursos online baseados em evidências, ministrados por profissionais-referência da área. Os planos disponíveis são o gratuito e premium, com uma ampla gama de abordagens, cursos e temas. Isso te ajudará a ter mais embasamento e segurança na atuação, além de proporcionar conhecimento em diferentes áreas!